December


Em fim dezembro chegou! Esperava ansioso por ele. Porque finalmente novembro acabou. Um mês incrivelmente difícil! Não que eu não tenha aprendido nada. Mas tive que me sacrificar e lutar cada dia!

Novembro não  foi o mês como eu imaginava, eu realmente planejei ser feliz em novembro. Mas outubro já havia avisado que tormentas estavam chegando. Então, promessas não foram cumpridas houveram desentendimentos. Brigas com que eu nunca mesmo queria brigar. Eu queria tanto não perder a pessoa que cheguei a um nível tão baixo de jogar os meus feitos na cara dela pra não perdê-la. Entretanto, foi em vão.  Eu aprendi principalmente que promessas são quebradas, sem nenhum dó, sem nenhuma vontade de continuar, se tornando só uma promessa quebrada, nada mais do que isso.

A festa que eu pretendia ir e ser realmente feliz aconteceu, e essa mesma pessoa não me quis lá! Eu fiquei triste obviamente, eu gostava tanto mais tanto, que nem ressentimento eu guardo. Quero que ela só seja feliz. E se as vez eu acho mal, é pq eu não sei lidar com a situação. Eu não posso dizer nada mais do que obrigado pela lição. Sério, era uma que eu ainda nunca tinha visto.

Pseudos esperanças em novembro deixaram de existir, pessoas que eu pensei que poderiam fazer diferente uma vez não fizeram, continuaram com o mesmo pensamento de sempre (com algumas surpresas, admito), com a visão limitada. Eu, burro, me adaptei porque gosto dessas pessoas e elas são muito importantes. Mesmo assim foi uma lição importante para eu poder aprender a ser humilde e dar valor as poucas coisas.

Amigos que há algum tempo não via voltaram, e fizeram de um dia o mais feliz de novembro. Com muitas risadas e conhecendo pessoas novas. Eu agradeço muito a essa pessoa, que me ajudou muito.

Sonhos foram quebrados, a prova de habilidade específica eu não passei. As lagrimas até hoje não desceram no meu rosto. Talvez porque não houvesse motivo para elas estarem aqui. Entretanto era algo que eu queria com muita, muita vontade mesmo. Talvez não fosse o momento, e somente as vezes os sonhos se tornam realidade. Eu me chateei com a reação de uma pessoa aí, mas que pelo contrário das pessoas, quando viu que estava, também errada, teve a boa vontade de correr atrás, de tentar me concertar. Aí sim as lagrimas vieram, nada me deixou tão forte quanto o seu: “Eu sou sua amiga, desculpa por te agido daquele jeito, mesmo que vc não me desculpe eu tô aqui, não vou te abandonar.”

Eu magoei pessoas, que só queria me ajudar e isso, foi o fim. Aí eu vi que eu estava errado. Não era o meu direito fazer isso com ela. Eu gosto tanto dela e tem uma consideração incrivel e eu lá machucando. Desculpas.

Acabei, lendo, fazendo o coração voltar a bater.

Eu também conheci pessoas variadas, no finalzinho. Eu fiz questão de ajudar um monte. Eu fui elogiado e nossa – tá até escorrendo uma lagrima aqui- foi emocionante. Eu nunca ouvi um elogio tão foda como : “você tem um coração tão bom e ajuda as pessoas.”  e nunca vi uma pessoa ser tão sensata e me dizer: “isso não é uma boa qualidade, você vai encontrar muitas pessoas que vão te usar por causa disso.”

Briguei, me iludi. Falei muitas besteiras em novembro. Mas sem dúvida novembro foi um péssimo mês, mas são nesses que se aprende as melhores coisas e acaba-se valorizando a vida. Foram palavras como ” você é um pouco louco e é bom tem pessoas assim por perto pra que se possa conversar” que me fizeram aprender que mesmo numa amizade de convivência, pessoas se tornam importantes, e foi em momentos como ” você não tem nada em comum com eles” que eu fiquei muito bravo, pq não sabiam se eu teria vontade e chance pra tentar. Foi em “você acha que seus problemas são maiores do que os dos outros” que eu chorei, abracei meu travesseiro e deixei-o encharcado. Foi em palavras como “tente fazer isso diferente, eu confio em você” que eu aprendi a ter força pra vencer o mês. Foi em sorrisos, em conversar aleatórias, e em “pode querer” que eu fui feliz.

Graças a Deus que Dezembro chegou! Agora é hora de rever tudo, se reconstruir, em segurar com toda a força tudo o que  restou. Mas com cuidado pra não quebrar nada porque algumas das peças ao longo do caminho ficaram um pouco mais frágeis, outras ficaram muito fortes. Então dezembro, só não me decepcione, só me dê forças pra organizar tudo pra entrar em 2012 com tudo ok?!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s